Título: O corpo em equilíbrio, desequilíbrio e fora do equilíbrio

Tipo de documento: Artigo

Assunto: Reflexões sobre as noções de equilíbrio, desequilíbrio e fora do equilíbrio do corpo no teatro, na dança e na ciência. Embora busquemos o equilíbrio como forma de permanecer, de nos assegurar, é pelo desequilíbrio que nossa permanência e sobrevivência é mantida. Nosso organismo evolui e se organiza não no equilíbrio, mas em desequilíbrio, num dinamismo estabilizado, ou numa “unidade em movimento”. Para que uma nova ordem possa emergir, torna-se necessário a passagem por algum estado entrópico.

Autora: Sandra Meyer

Referência: Urdimento – Revista de Estudos em Ares Cênicas. PPGT/UDESC, V. 1, n. 4 / 2002, p. 90-99